• TNews

Apoio Digital

O Ministério da Educação vai disponibilizar acesso à internet para alunos de universidades e de institutos federais que não têm condições de pagar pelo serviço.

A falta de conexão à internet tem sido um empecilho para muitos estudantes acompanharem aulas online durante o período de isolamento social. A princípio serão beneficiados 400 mil alunos com renda familiar inferior a meio salário-mínimo, mas a ideia é que esse número chegue a 900 mil alunos cuja renda familiar seja de até 1,5 salário-mínimo. De acordo com o MEC, a expectativa é de que a benefício abranja 797 municípios com campi de Instituições Federais de Ensino Superior (IFES) e Institutos Federais (IF). Ao fazer o anúncio, o ministro da Educação, Milton Ribeiro, disse que a demora para se implementar a medida, após cinco meses de isolamento em decorrência da pandemia do novo coronavírus, se deve à burocracia interna do Estado. Nas últimas semanas, cresceu o número de instituições federais de ensino que começaram a transmitir aulas online.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo