top of page
  • Foto do escritorTNews

Brasil aumenta cobertura de 8 vacinas do calendário infantil em 2023

Em 2023, o Brasil aumentou a cobertura de oito vacinas recomendadas para crianças com um ano de idade, conforme balanço do Ministério da Saúde. Os imunizantes com aumento na aplicação de doses são contra hepatite A, poliomielite, pneumocócica, as vacinas meningocócicas, DTP (difteria, tétano e coqueluche) e tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola), além da contra febre amarela, indicada aos nove meses de idade. Os dados referem-se às doses aplicadas de janeiro a outubro deste ano, em comparação ao mesmo período de 2022.

Segundo a ministra da Saúde, Nísia Trindade, os resultados indicam o início do processo de reversão da tendência de queda das coberturas vacinais no país, que ocorre desde 2016. Nísia Trindade atribui a melhora às ações regionais, com repasse de R$ 151 milhões para estados e municípios, e vacinação nas escolas. Em 2023, 3.992 cidades adotaram a imunização de crianças e adolescentes no ambiente escolar. Conforme balanço do ministério, subiu em um terço o número de municípios que alcançaram 95% da meta de imunização infantil. Em relação à vacina contra o HPV, o número de doses aplicadas cresceu 30%. O Programa Nacional de Imunizações [PNI] do Brasil é o maior do mundo e uma referência até mesmo para países desenvolvidos. As informações são da Agência Brasil.


Imagem:

Antonio Cruz / Agência Brasil


Fonte:



3 visualizações0 comentário
bottom of page