• TNews

Início Primavera

A primavera começa às 16h21 de hoje e, segundo a previsão do Simepar, o dia vai ser de tempo parcialmente nublado nas regiões Oeste, Noroeste, Norte, Norte Pioneiro, Sul, Sudoeste, Litoral e Região Metropolitana de Curitiba. As temperaturas devem variar entre 6ºC em Agudos do Sul, Piên e Rio Negro e 33ºC em Umuarama. Nas áreas próximas da divisa com Santa Catarina, nos Campos Gerais, no Litoral e na Capital, as temperaturas máximas ficam entre 17ºC e 20ºC.

Para a primavera, estão previstas variações bruscas da temperatura do ar em curtos períodos devido à passagem de frentes frias sobre o Paraná. A estação tem como característica o aumento gradual do volume de chuvas e das temperaturas médias, mas há grande probabilidade de ocorrência do fenômeno La Niña no Oceano Pacífico Equatorial, provocando o resfriamento da temperatura da superfície das águas, o que altera os padrões globais de chuvas e temperaturas. Por ser uma estação de transição entre os regimes climáticos do inverno e do verão, a primavera favorece eventos meteorológicos severos como fortes rajadas de ventos, granizo, chuvas volumosas e grande quantidade de raios, que só podem ser detectados em curto prazo. A agrometeorologista do Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná, Heverly Morais, fez um alerta para os impactos da crise hídrica e dos eventos meteorológicos extremos sobre a agricultura e a pecuária no contexto das altas temperaturas previstas para a primavera. As grandes culturas como soja, milho e feijão podem sofrer atraso na semeadura, germinação desuniforme da lavoura, crescimento inadequado das plantas e mau desenvolvimento dos grãos. Ela recomenda ao produtor escalonar a semeadura em talhões com cultivares de ciclos diferentes, manter o equilíbrio nutricional das plantas, utilizar sementes de boa qualidade e não empregar população superior à indicada. Para melhorar a estrutura do solo e o armazenamento da água no sistema, Heverly sugere o cultivo e a incorporação de plantas de cobertura em sistema de plantio direto. Culturas como café, cana-de-açúcar, mandioca e frutíferas correm alto risco de serem prejudicadas pela má distribuição das chuvas ao longo da estação. Além disso, as altas temperaturas podem afetar as hortaliças, sobretudo as folhosas, que vão demandar água de irrigação.


Imagem:

WIX Imagens


Fonte:

https://www.aen.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=115347&tit=Primavera-deve-ter-variacoes-bruscas-de-temperatura-e-chuvas-abaixo-da-media


#tnews #tnewsnoar #radiot #radiotparana #noticiasparana #marceloalmeida #robertacanetti #marlethsilva

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo