top of page

BLOG

E NEWS

Entrou em operação nesta semana a nova usina solar Segredo, construída pela Copel em Reserva do Iguaçu, no Centro-Sul do Paraná. De acordo com a companhia, a unidade deve proporcionar uma economia de até 15% na conta de luz a partir de créditos da geração fotovoltaica.

A instalação possui capacidade para atender até 350 clientes. A Copel Solar é um novo modelo de negócios da empresa, pelo qual os clientes podem adquirir créditos de energia gerada pela usina solar. A Copel instala e opera as unidades geradoras e os clientes assinam contratos para utilizar os créditos, resultando em economia nos custos de energia. A nova usina é formada por 9.720 painéis fotovoltaicos de silício monocristalino e ocupa uma área de 11 hectares, equivalente a dez campos de futebol. Além disso, 90 rastreadores solares ajudam a otimizar a geração de energia, ajustando os painéis conforme o movimento do sol. A iniciativa é uma alternativa para clientes comerciais do grupo B. A adesão ao programa pode ser feita através do site oficial. Na página, os clientes podem fazer simulações de economia e seguir um processo totalmente digital para integrar o programa.



Imagem:

Assessoria de Imprensa


Fonte: Assessoria de Imprensa Copel



1 visualização

O Fórum de Comunidades Inteligentes do Canadá divulgou o ranking TOP7, que inclui as sete comunidades mais inteligentes do mundo. Curitiba e Assaí, no Norte Pioneiro, integram a lista ao lado de Coral Gables e Hilliard, nos Estados Unidos, Durham e Fredericton, no Canadá, e Yunlin, em Taiwan.

Em fevereiro, as duas cidades paranaenses já tinham se classificado no ranking Smart21, lista com as 21 cidades mais inteligentes do mundo, que também incluía o município de Ponta Grossa. Agora, as duas cidades selecionadas avançam para a última etapa da premiação, que acontece em novembro, em Barcelona, na Espanha, onde será anunciada a vencedora de 2024. Curitiba se classificou na lista dos TOP7 pelo quarto ano consecutivo, sendo a pioneira entre as cidades da América do Sul. Em 2023 também foi eleita a Cidade Mais Inteligente do Mundo pelo Smart City Award. Já Assaí aparece pela primeira vez no ranking.


Imagem:

Ricardo Marajó / SMCS


Fonte:




1 visualização

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou por 14 a 12 votos, o relatório sobre o projeto de lei que propõe a legalização de cassinos e jogos de azar, como bingo e jogo do bicho, no Brasil.

O tema agora deve ser remetido ao plenário da Casa. A proposta prevê a permissão para instalação de cassinos em polos turísticos ou em complexos integrados de lazer, como hotéis, restaurantes e bares. Durante a sessão, a maioria das manifestações se deu por parte dos senadores contrários ao projeto. Um dos principais argumentos foi o impacto sobre o sistema de saúde, que deverá lidar com o aumento do vício em jogos. Segundo o relator do projeto, senador Irajá, do PSD do Tocantins, a estimativa é que os cassinos podem gerar 700 mil empregos diretos e 600 mil indiretos, além de incrementar o turismo. A exploração de jogos de azar no Brasil é proibida desde 1946. As informações são da Agência Brasil.


Imagem:

Darrin Zammit Lupi / Reuters


Fonte:



2 visualizações
bottom of page